4 DICAS PARA QUEM MORA SOZINHO E QUER SER SAUDÁVEL

Oi, gente!

Esse ano de 2016 foi bem diferente pra mim: Eu finalmente fui morar sozinha e andei aprendendo algumas coisinhas em relação a um ambiente ainda um pouco desconhecido por mim: A cozinha.

Depois de passar da fase do miojo, que no meu caso era tapioca com ovo, comecei a cozinhar e ter uma rotina um pouco mais consistente em relação a comida. Não que eu fosse uma negação, até porque eu sempre adorei fazer bolos e cookies vai gordinha  mas, cortar cebola pra mim era como se fosse tortura!

Meu interesse ainda não mudou e continuo não muito interessada pelo arte da cozinha (apesar de ser fera na arte de comer hehe). É por isso que o post de hoje é pra você, que tem preguiça mas quer viver uma vida saudável!

1. Coloque as coisas não saudáveis fora da visão

Se possível, nem tenha muito em casa. É mais fácil lidar com a falta do que com a tentação, nesse caso!

Se você é que nem eu e não resiste em ter um docinho em casa, deixe fora do seu campo de visão. Nunca me esqueço que uma vez li em algum lugar que, o alimento que você vê primeiro quando abre o armário/geladeira é o que você tinha mais chances de escolher na hora de comer.

Experimente colocar tudo o que for de mais saudável na altura do seu olho e nas partes mais a frente do seu armário. Pra mim, ao menos, funcionou! 🙂

2.Tenha petiscos saudáveis disponíveis

Volta e meia me dá uma fome fora de hora e eu tenho vontade de beliscar alguma coisa. Nessas horas, eu procuro algo prático que eu simplesmente possa pegar e já comer, sem perder tempo. Bolachinhas e chocolate até passam pela minha cabeça mas, se eu tenho coisa saudável em casa, consigo me controlar (quase sempre). Uma fruta prática, como banana, morango, uva, maçã ou quem sabe castanhas do pará ou do caju (minhas preferidas).

As vezes eu também gosto de ir em lugares naturais e comprar aqueles biscoitinhos caseiros integrais, sabe? É só olhar a composição e ver quais os primeiros três ingredientes que, estes, serão os que mais estarão presentes na bolacha! 🙂

3. Faça sucos funcionais

Sucos funcionais são uma ótima fonte de nutrientes e um ótimo jeito de ingerir bastante vitamina de forma rápida e prática. Porém, eu não to falando daqueles sucos que a gente compra no mercado não! Esses são aqueles que a gente coloca não só frutas mas também legumes e até mesmo farinhas saudáveis. Eles são uma tremenda fonte de nutrientes que, muitas vezes, deixamos de consumir nas nossas refeições.

Aliás, a alimentação crua é importantíssima, uma vez que ao cozinharmos alimentos a gente destrói várias enzimas e nutrientes. Olha que legal essas receitas que achei aqui na internet:pregui1

4. Congele

Eu não sei vocês mas, quando tenho que cozinhar só pra mim eu tenho uma preguiiiça! Aliás, as vezes eu não tenho vontade de cozinhar nada! É por isso que essa, pra mim, é a melhor dica: Congelar!

Você pode fazer porções maiores e congelar em potinhos, assim não precisa cozinhar todos os dias e sempre tem algo pra salvar na hora da fome. Também gosto de congelar bananas, morangos e entre outras frutas para jogar no shake pós treino. Aliás, eu congelo até o suco verde! Vale a pena tirar um dia para organizar tudo e encher o freezer de coisas saudáveis e gostosas! <3

Pra finalizar o post, não esqueçam: Uma vida saudável abrange corpo, mente e espírito. Cuide da sua cabeça com o mesmo afinco que você cuida do seu corpo. Ser saudável não significa que você não vai comer um chocolate, não vai sair pra jantar com o namorado ou vai declarar guerra as frituras. Pra mim, ser saudável e estar em equilíbrio.

A melhor dieta é aquela que você sabe que você esquece que está fazendo. Não contem calorias, não se sintam culpadas por comer doce e nem inventem dietas malucas pra perder peso. Isso tudo é um processo e se chama reeducação alimentar. Demora, mas vale a pena. E não acontece do dia pra noite. Tenham paciência, comam comidas “vivas”e preocupem-se em viver menos preocupadas e mais felizes! Equilíbrio é tudo!

pregui2

Beijinhos,

Gabi

Comente

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *